Conhecendo Alguns Radioamadores

Por: MARCO ANTÔNIO FONTOURA HANSEN - PY3AEE

MARCO ANTÔNIO FONTOURA HANSEN - PY3AEE

Gaúcho, natural de Santa Cruz do Sul, foi o primeiro radioamador a transmitir da Antártida, quando de sua primeira expedição acontecida no período de fevereiro e março de 1982, diretamente da Base Polar Chilena “Tenente Rodolfo Marsh Martin”, na Ilha Rei Jorge, Shetlands do Sul. A segunda expedição também na Base Polar Chilena foi em janeiro e fevereiro de 1983. Na primeira expedição, devidamente licenciado pela Subsecretaria de Telecomunicaciones do Chile, autorizado pelo comandante, operou o equipamento da Base Polar Chilena, um Collins KWM-2A que testou inclusive com um simples dipolo de meia-onda, ao invés dos sistemas irradiantes convencionais da estação, composto basicamente por antenas de grandes dimensões, como as rômbicas e log-periódicas, multibandas, funcionando de 3,5 a 30 Mhz. Não havia levado equipamento próprio.

Na segunda expedição aproveitou para levar equipamento próprio, de procedência nacional, o seu velho Eudgert, Linha Ouro C, já fora de produção, que se comportou estupendamente no ambiente do Pólo Sol. Solicitou a colaboração a várias empresas nacionais, produtoras de equipamentos para radiocomunicações, no sentido de que cedessem aparelhos transmissores para a expedição. A única empresa que doou alguma coisa foi a Medic-Sound, um microfone tipo FLX 2000, o qual funcionou de forma excelente na Antartida. A antena utilizada foi uma W3DZZ, a apenas três metros do solo.Marco Antônio manteve contatos com o Amazonas, Acre e estados do Leste, Oeste e Sul, a nível de Brasil. A nível internacional, Estados Unidos, Japão, Canadá, Itália, Nova Zelândia, Finlândia e diversos outros em várias bandas. Operou de 80 até 10 metros, sendo que nos 80 metros manteve contatos com o Brasil, Chile e Colômbia. Em 40 metros a comunicacão era quase em nível mundial. Em 20 e 15 metros também, embora com condições de propagação bastante irregulares. Em 10 metros as condições estavam muito dificeis nesta época do ano.

Também operou desde a estação 4K1GAC, da Base Russa de Arctowski, por ocasião de uma visita que os pesquisadores brasileiros fizeram ao local.
Marco Antônio, geólogo, era integrante da equipe de pesquisadores da UNISINOS - Universidade do Vale do Rio dos Sinos, de São Leopoldo-RS.